3-Mercado brasileiro de automóveis fecha 2008 com recorde, mas crise traz apreensão

…continuação

NOVEMBRO
– A Ford mostra o EcoSport com motor 2.0 Flex. Agora, o propulsor Duratec gera 145 cv com álcool e 141 cv com gasolina.

– A Audi lança o estiloso A5. O cupê tem motor 3.2 V6 com injeção direta e 269 cv.

– A Peugeot estréia no segmento de sedãs compactos com o 207 Passion. O três volumes chega ao mercado em cinco versões e duas opções de motores: 1.4, de 82 cv e 80 cv, e 1.6 16V de 113 cv e 110 cv.

– A crise se faz ainda mais presente e as vendas de automóveis e comerciais leves recuam 26% na comparação com outubro. O que era para ser “marolinha” já é encarado por muitos como “tsunami”.

DEZEMBRO
– A Ford entra no segmento de veículos utilitários leves com a linha Transit, em configurações para passageiros e para carga.

– O Governo reduz o IOF para financiamento de carros, além de zerar a tributação de IPI para automóveis com motor 1.0 e baixar o imposto de 13% e 11% para 6,5% e 5,5% para modelos com motorização entre 1.0 e 2.0, gasolina e flex, respectivamente. No primeiro fim de semana com os novos preços, as vendas crescem 30% em relação ao fim de semana anterior.

– A Peugeot lança a versão Escapade do 207 com a mesma lógica do sucessor 206 Escapade: adereços visuais jipeiros e suspensão elevada. O motor é o mesmo 1.6 16V Flex de 110 cv e 113 cv.

– O Suzuki Jimny volta a ser importado para o Brasil com motor 1.3 16V de 84 cv..

(por Fernando Miragaya)
Fonte: UOL Carros