A6 fica mais potente

Sueli Osório
Enviada a Itu

O sedã alemão ficou ainda mais prazeroso de dirigir com o motor 3.2 V6 FSI, sucessor da versão 3.0 V6. Ganhou mais de 40 cavalos de potência, chegando a 259 cv a 5.600 rpm, com torque máximo de 33,7 mkgf a 3.250 giros.

Assim, vai da imobilidade aos 100 km/h em apenas 6,9 segundos, tornando-se 1 segundo mais rápido que seu antecessor. A velocidade máxima é limitada eletronicamente em 250 km/h.

A transmissão é automática CVT (continuamente variável), com programa de controle dinâmico. A direção é hidráulica com sistema de assistência variável.

Tanto no trecho urbano como na estrada, o sedã apresentou respostas rápidas nas saídas e retomadas, além de estabilidade e boa dirigibilidade.

DESIGN
Linhas rebaixadas, teto em forma de cupê e, na frente, uma grade do radiador única e trapezoidal dão um aspecto de esportividade ao A6, o que é realçado pelos faróis de xenon com um dispositivo elétrico que os fazem acompanhar o traçado da estrada.

Internamente, tem o mesmo sistema de freio de estacionamento do A8, acionado por uma alavanca no painel. Além disso, conta com um dispositivo pelo qual o condutor pode acionar a abertura das portas com a chave no bolso.

O console é centralizado e integrado ao painel. Outro destaque é o sistema MMI (Multimedia Interface), com monitor central, som e comandos. Na tela fixa de 7 polegadas, o condutor pode controlar as mais diversas funções do carro, como os sistemas de som, ar-condicionado, luzes internas, computador de bordo, além de ser informado sobre a data da próxima revisão.

O modelo vem equipado de série com sensores acústicos de estacionamento dianteiro e traseiro, luzes traseiras com tecnologia led (light-emitting diode), e sensores crepuscular e de chuva.

Opcionalmente, pode vir com um sistema para auxílio ao estacionamento que conta com uma câmera traseira que captura as imagens do que está atrás do carro para serem vistas na tela do painel assim que o motorista engata a ré. Uma ajuda e tanto na hora de manobrar ou estacionar.

Para ter todo esse conforto e desempenho, o preço é salgado: R$ 273 mil.

Fonte: Diário do Grande ABC