Adiada a produção do novo Gurgel

Releitura do X12 TR Tocantins pode ter motor Fiat 1.4

Ana Morano – O Estado de S.Paulo

A produção da nova versão do X12 TR Tocantins, cujo protótipo foi avaliado por Autos em agosto de 2007, foi adiada. Segundo o empresário Paulo Lemos, proprietário da marca Gurgel Motores desde 2004, a fábrica onde o carro será feito, em Três Lagoas (MS), está com as instalações em estágio avançado, mas não pode começar a operar porque a Secretaria de Meio Ambiente do Estado ainda não concedeu a autorização para o início da produção.

Sem previsão de quando começará a fazer o modelo, que anteriormente estava programado para o primeiro semestre do ano passado, Lemos adianta que fará um novo protótipo, desta vez com motor 1.4 da Fiat.

“Apesar de os testes com o motor Volkswagen terem sido bem-sucedidos, agora temos uma parceria para utilizar o da Fiat, que também fornecerá o sistema Locker (bloqueio de diferencial, que equipa os modelos da linha Adventure)”, diz o empresário.

A Fiat Powertrain Technologies (FPT) não confirma a parceria. Mas isso é comum para produtos em fase de testes.

“Se o X12 já era bom na terra, agora ficará imbatível”, argumenta Lemos para justificar a substituição do bloqueio de diferencial original do carro, que era manual. Esse sistema foi desenvolvido pelo engenheiro João Augusto Conrado do Amaral Gurgel, criador do X12 e da marca. Grande expoente da indústria automobilística nacional, ele faleceu no sábado passado, aos 83 anos, na capital.

As demais características do carro serão mantidas, com exceção do para-choque, que ficou maior. Essa alteração já estava no protótipo com motor Volkswagen.

Fonte: O Estado de São Paulo