Anfavea projeta aumento de 11,9% na produção de autoveículos em 2013

 A indústria automobilística brasileira terá recorde histórico de produção de autoveículos em 2013, de acordo com dados divulgados ontem, 5, pela Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores, Anfavea. A nova projeção de 3,79 milhões de unidades produzidas neste ano indica aumento de 11,9% comparado as 3,38 milhões do ano anterior.

Só em agosto a produção foi de 340,5 mil autoveículos, 2,3% maior que o mesmo mês de 2012 e 9% acima de julho deste ano. O resultado coloca agosto de 2013 como o melhor período da história. No acumulado dos primeiros oito meses do ano a alta é ainda maior: 13,7% quando comparadas as 2,51 milhões de unidades em 2013 com as 2,21 do ano passado.

Para Luiz Moan Yabiku Junior, presidente da Anfavea, o aumento da produção se deve a uma conjuntura de fatores: “O crescimento das exportações e o mercado interno aquecido são reflexos do Inovar-Auto, fundamental na transformação de 2013 no melhor ano da história da indústria automobilística em produção”.

Também como decorrência do Inovar-Auto houve uma redução da participação de autoveículos importados no licenciamento: caiu de 20,7% em janeiro deste ano para 18,9% em agosto. As exportações, por outro lado, que já tiveram projeção para 2013 revisada no último mês para crescimento na casa dos 20%, seguem em ritmo forte: As 64,1 mil unidades exportadas representam acréscimo de 22,1% contra julho deste ano e de 50% perante agosto de 2012. No acumulado a alta é de 28,4% quando confrontadas as 382,7 mil unidades deste ano ante as 297,9 do ano passado.

Licenciamentos – A perspectiva de licenciamento para os últimos quatro meses do ano é de crescimento de 5% quando comparado com o período de setembro a dezembro de 2012, fator que contribui para que a expectativa para 2013, em projeção já revisada, seja de crescimento de 1% a 2%. Isto significa que devem ser comercializadas no mercado interno de 3,84 a 3,88 milhões de unidades – o resultado representará novo recorde histórico.

No último mês foram comercializados 329,1 mil autoveículos, decréscimo de 3,8% comparado as 342,3 de julho e de 21,6% contra as 420,1 mil de agosto do ano passado. O acumulado dos primeiros oito meses também mostra queda, menos acentuada, de 1,2%, comparando-se as 2,47 milhões de unidades registradas em 2013 com as 2,5 de 2012.

Ricardo Panessa

Fonte: Auto Estrada