Anfavea: será difícil chegar à meta de vendas

Jackson Schneider, presidente da Anfavea , admitiu à Agência Estado que há dificuldade para o setor automotivo vender 3 milhões de unidades este ano, como previa a entidade até agora. Ele atualizará as projeções no próximo dia 4, na reunião mensal da entidade com os jornalistas. Schneider comentou também que o efeito da liberação de R$ 8 bilhões, pelo Banco do Brasil e Nossa Caixa, não é imediato: “Demora um pouco para chegar ao varejo”. Segundo o presidente da Anfavea, 75% das vendas de automóveis no País são feitas via financiamento. O executivo afirmou à Agência Estado que houve queda nas exportações e citou México, Venezuela, África do Sul e Argentina como países onde as vendas de carros do Brasil foram mais afetadas (26 de novembro).

Fonte: Automotive Business