As novidades da MINI para o Brasil

                                             Em entrevista durante o Best Cars, presidente da BMW do Brasil revela novidades da marca

César Tizo – foto: divulgação

Conceitos MINI Coupé e Roadster chegarão ao Brasil nas versões definitivas no próximo ano
Segundo o presidente da BMW do Brasil, Jörg Henning Dornbusch, os brasileiros podem esperar boas novidades da MINI para o Brasil. Durante uma rápida conversa com a equipe da Carro/Carro Online na cerimônia de entrega dos prêmios do Best Cars 2011 o executivo confirmou que as versões finais dos conceitos Coupé e Roadster, apresentadas no Salão de Frankfurt em 2009 como parte das celebração dos 50 anos da marca, serão oferecidas no Brasil no próximo ano.
Além disso, também teremos até o fim deste ano a variante conversível do MINI Cooper John Cooper Works. A chegada da nova versão de entrada One – que manterá o motor 1.6, mas com 98 cv – com preço por volta dos R$ 70 000 deverá elevar as vendas do modelo para um número em torno das 3 000 unidades/mês, acredita a equipe de marketing da MINI. No primeiro trimestre de 2011 a MINI emplacou 604 carros, segundo levantamento da Fenabrave, portanto uma média de 201 unidades/mês.

Fábrica no Brasil

Na mesma ocasião, Dornbusch também desmentiu algumas especulações acerca de uma eventual fábrica da BMW que seria inaugurada no próximo ano. De acordo com ele, “o que nós estamos fazendo – e eu estou à frente disso – é um projeto para construir uma unidade no Brasil para a produção de veículos em regime SKD (Semi Knocked Down), onde partes da carroceria já vem montadas e alguns componentes são instalados localmente. No início a produção será voltada apenas para o Brasil, já que é bem provável que não atingiremos o nível de nacionalização necessária para exportar a outros países do Mercosul. O carro escolhido para esta nova fábrica, por questões óbvias, não posso antecipar. Esse projeto será apresentado ao conselho administrativo mundial no fim deste ano, época em que deveremos ter alguma posição se ele sairá do papel”, explicou Dornbusch.

Ainda com relação à BMW, outra boa notícia é que o Série 1 M, versão preparada pelo braço esportivo Motorsport e baseada na carroceria cupê, estreará por aqui em junho. O modelo em questão conta com motor 3.0 de 6 cilindros em linha biturbo de 340 cv de potência e será a opção mais acessível produzida com o “toque” da divisão M.
Fonte: Carro Online