Automotive News destaca importância da Ford Brasil

                                             Redação AB

Artigo da agência de notícias Automotive News revela que a fábrica considerada mais progressista pela Ford Motor é a de Camaçari, na Bahia. Segundo a matéria, assinada por Jamie LaReau, a planta utiliza conceitos avançados de manufatura para montar o EcoSport e o Fiesta. Os trabalhadores da Ford e seus fornecedores trabalham lado a lado e as linhas permitiram produzir 207.180 unidades em 2009.

LaReau escreve que a Ford investe na planta do Nordeste milhões em um projeto global e centro de engenharia para veículos compactos, como parte dos esforços para alavancar as operações da marca no País. A empresa contratou 1.300 engenheiros nos últimos dois anos para atuar no Brasil.

O jornalista cita o comentário de Jim Farley, vice-presidente global de vendas, marketing e serviços, que responde pelas operações na América do Sul, durante uma entrevista: “O Brasil pode ser um dos dois maiores mercados para a marca em todo o mundo”. LaReau afirma que a Ford valoriza a unidade brasileira pelo expertise no desenvolvimento de produto e também pelo socorro financeiro, obtido por meio de remessas de lucros, que ajudou a corporação a escapar de empréstimos federais nos Estados Unidos em 2009.

Este ano o Brasil pode ultrapassar o Reino Unido e tornar-se o segundo maior mercado para a Ford depois dos Estados Unidos. No ano passado a América do Sul gerou US$ 765 milhões em receitas, antes de impostos, enquanto a Europa contribuiu com apenas US$ 86 milhões.

A Ford mantém no Brasil um dos seus cinco centros de desenvolvimento de produtos, no qual foi finalizado o projeto do motor Sigma utilizado no Fiesta 2011.

Fonte: Automotive Business