Banco Mercedes supera R$ 2 bilhões em novos negócios


Com previsão de encerrar o ano com um volume de novos negócios de R$ 3,1 bilhões e uma carteira de R$ 5,8 bilhões, o Banco Mercedes-Benz vem mantendo o crescimento no decorrer de 2009.

A instituição financeira registrou aumento de 10% no total liberado de janeiro a setembro. Foram financiados R$ 2,2 bilhões nos nove primeiros meses do ano ante R$ 2 bilhões negociados em igual período de 2008. Em unidades financiadas, foram 12.229 veículos Mercedes-Benz zero km de janeiro a setembro de 2009 contra 9.307 unidades nos mesmos meses de 2008.

O Finame, que conta com taxas ainda mais atrativas em função das medidas tomadas pelo governo, foi o produto mais procurado, com 77% de participação. De janeiro a setembro foi financiado R$ 1,7 bilhão por meio desta modalidade, um aumento de 31% em comparação com o R$ 1,3 bilhão negociado no mesmo período do ano anterior.

O Crédito Direto ao Consumidor respondeu por 6% dos financiamentos. Foram liberados R$ 125,1 milhões por meio deste produto nos primeiros três trimestres do ano contra R$ 88,5 milhões negociados de janeiro a setembro de 2008, um acréscimo de 41%.

O Leasing respondeu por 17% dos negócios no período. O produto registrou queda de 36%, passando de R$ 602,7 milhões liberados de janeiro a setembro de 2008 para R$ 384,9 milhões nos primeiros nove meses de 2009.

A carteira do Banco Mercedes-Benz fechou setembro em alta de 25%, atingindo R$ 5,48 bilhões. No mesmo mês de 2008 seu valor era de R$ 4,39 bilhões.

Dos R$ 5,48 bilhões obtidos este ano o Finame corresponde a 60% da carteira; o Leasing, por 34%; o CDC, por 4%, o Floorplan, por 1% e o CDC Serviços, Capital de giro e Empréstimo Pessoal, 1%.

Fonte: Automotive Business