BMW pode encerrar produção do M3 sedã


Redução na procura pelo carro e avanço da versão cupê são os motivos

Thiago Vinholes

Entre a chegada do M3 GTS e o lançamento de pacotes de alta performance – sem falar no desempenho excepcional do 335i – a BMW ensaia novos rumos para as séries esportivas baseadas no Série 3. De acordo com apuração do website BimmerFile, a fabricante alemã pretende descontinuar o M3 na versão sedã quatro portas.

O motivo, segundo a página, é o sucesso e maior procura do M3 na versão cupê. O modelo possui o mesmo conjunto mecânico do usado no três volumes, porém, conta com diferenças fundamentais, como o teto de fibra de carbono e o visual esportivo mais acentuado por conta do formato de sua carroceria. O sedã também vem registrando queda continua nas vendas, em especial nos Estados Unidos, principal mercado no carro.

A publicação ainda afirma que o M3 quatro portas deve durar somente até o final da atual geração do Série 3, que leva o código de carroceria E90. Para a próxima série, prevista para 2012, a versão esportiva poderá ser oferecida somente nas opções cupê duas portas e conversível. A BMW ainda não comenta o assunto.

Fonte: Terra Carro Online