Câmara dos EUA aprova US$ 14 bilhões para montadoras

Os membros da Câmara de Representantes dos Estados Unidos aprovaram na noite desta quarta-feira (10) um pacote de socorro de cerca de US$ 14 bilhões para duas das maiores montadoras norte-americanas de veículos: General Motors e Chrysler. De acordo com a CNN, o valor de US$ 14 bilhões ficou US$ 1 bilhão abaixo do esperado, e é menos da metade dos US$ 34 bilhões aventados inicialmente como necessários para salvar as montadoras (o valor incluía a Ford). A GM deve usar US$ 10 bilhões até o final de março de 2009 (US$ 4 bilhões em regime de urgência), e a Chrysler, hoje pertencente a um fundo internacional de investimentos, ficaria com os restantes US$ 4 bilhões. O projeto prevê uma série de medidas que cada uma terá de tomar para sanear suas finanças — entre outras coisas, cortar os elevados salários de seus executivos, bem como os “agrados” multimilionários concedidos a eles em caso de demissão (Uol, 11 de dezembro).

Fonte: Automotive Business