Cheques sem fundo caem 11% em agosto


Do Diário OnLine

A emissão de cheques sem fundos caiu 11% em agosto, na comparação com o mês anterior, segundo dados divulgados nesta segunda-feira pela Serasa Experian. No mês passado, foram devolvidos 19,6 documentos a cada mil compensados – ou seja, de todos os cheques compensados no País, 1,96% foram devolvidos.

Já em julho, as devoluções representaram 2,21% do total de compensações. Segundo a Serasa, um cheque é considerado desprovido de fundos a partir de sua segunda devolução.

Para a entidade, o resultado de agosto deve-se à “melhora da conjuntura econômica, acompanhada pelo crescimento do emprego, principalmente o formal. O efeito calendário, com dois dias úteis a menos, também é mencionado como facilitador do decréscimo”, afirmam os técnicos da Serasa.

Já no acumulado dos oito primeiros meses, a inadimplência com cheques cresceu 14,2% sobre o mesmo intervalo de 2008. De janeiro a agosto deste ano, foram devolvidos 22,5 cheques por mil compensados (2,25% de inadimplência), enquanto no mesmo acumulado do ano anterior, foram 19,7 cheques devolvidos a cada mil compensados (1,97%).

Em relação a agosto de 2008, a inadimplência com cheques avançou 8,9%. No oitavo mês do ano passado, foram devolvidos 18 cheques a cada mil compensados (1,8% de devoluções).

“A inadimplência com cheques caiu lentamente após março, acompanhando a recuperação econômica, e deve seguir neste ritmo até o final do ano. No entanto, este indicador será maior que o de 2008, inaugurando um novo patamar histórico na devolução de cheques”, prevê a Serasa.

Fonte: Diário do Grande ABC