Chevrolet lança Camaro a R$ 185.000

Chevrolet Camaro                             Cupê chega na versão 2SS, com V8 de 406 cv; Omega volta ao Brasil por R$ 128.000

Redação

Prestes a entrar no ano de seu centenário – completa 99 anos em 3 de novembro –, a Chevrolet trouxe duas de suas estrelas para brilharem em São Paulo. A primeira é o Chevrolet Omega, que desde o começo do ano não era importado para o Brasil e agora chegua da Austrália em sua versão atualizada. A grande novidade fica por conta do motor 3.6 V6, o mesmo do antecessor, mas que agora recebeu injeção direta de combustível. Com isso, rende 40 cv a mais que o antecessor, produzindo 292 cv. Ele começa a ser vendido em dezembro ao preço de R$ 128 000.

Os primeiros 600 carros servirão ainda como homenagem ao ex-piloto bicampeão mundial de Fórmula 1 Emerson Fittipaldi, que com a série que traz seu nome, atesta toda a qualidade do conjunto do novo Omega. “Andei com o carro na pista de testes da General Motors, na Austrália, e pude comprovar o quanto o carro evoluiu em dinâmica e desempenho”, frisou. Com base nas vendas do modelo enquanto esteve no portfólio da marca, o estoque de 600 unidades deve durar dois anos.

A outra estrela, e mais aguardada, foi o Chevrolet Camaro. Com direito a presença até do Bumble Bee, robô do filme Transformers, o carro foi, até agora, a principal novidade do Salão. Ele chega em dezembro, ao preço de R$ 180.000 apenas na versão 2SS. Dotado de motor 6.2 V8 de 406 cv, promete aceleração de 0 a 100 kmh em apenas 5s0. Segundo Marcos Munhoz, diretor de relações públicas da marca, “a expectativa é de vender entre 50 e 100 unidades por mês”. A distância nos números reflete um certo desconhecimento do interesse do consumidor por este tipo de carro.

A Chevrolet mostrou ainda a nova Montana, que será apresentada pela primeira vez ao grande público, e versões modificadas do Agile e do Celta. O primeiro ganhou uma customização no estilo aventureiro e o sobrenome Crossport, com pneus de uso misto, maior altura do solo e um sistema de som caprichado. Já o Celta White apareceu com rodas de 17”, suspensão rebaixada e interior nas cores branca e vermelha, bem ao estilo tuning. Ambas personalizações foram criadas pela Batistinha Garage e concebidas com muitos dos acessórios originais que a GM vende nas concessionárias.

A 26ª edição do Salão do Automóvel de São Paulo abrirá suas portas ao público na próxima quarta-feira (27) e segue até 7 de novembro

Fonte: Carro Online