Chevrolet Volt decepciona nas vendas

                                             Apesar da badalação, o Volt não encontra compradores

Poucos carros na história receberam tanta atenção dos meios de comunicação ao longo de seu desenvolvimento como o Chevrolet Volt. Mas, depois de seu lançamento, o híbrido da General Motors não deslanchou nas vendas.
No mês passado, o Volt teve apenas 608 unidades vendidas. O total do primeiro trimestre deste ano é de 1.210 carros comercializados, número pouco significativo para o mercado norte-americano.

Analistas explicam o fraco desempenho por duas razões básicas: o alto preço do Volt, mesmo recebendo subsídios do governo americano desencoraja os consumidores que, ao mesmo tempo, continuam a encarar carros com propulsão elétrica como novidades, sujeitas a possíveis problemas de performance e qualidade.

Ao mesmo tempo, o mercado americano absorveu em março 18.605 unidades do híbrido Prius, da Toyota, número 52% superior ao registrado no mesmo mês do ano passado. O Prius foi o primeiro híbrido produzido em grande quantidade a chegar ao mercado, em 1997 e, somente nos EUA, já vendeu um milhão de unidades.

Apresentado, antes de seu lançamento, como um carro totalmente elétrico, dotado de um gerador a gasolina para estender sua autonomia, o Volt, na realidade, também é um híbrido, utilizando diretamente a força de seu motor auxiliar de quatro cilindros quando a bateria termina.

JM

Fonte: Auto Estrada