Classe X deve ser vendido em versão básica no Brasil

A Mercedes-Benz já começou a confirmar algumas informações em relação ao lançamento da picape Classe X no mercado brasileiro. Mesmo que o modelo esteja agendado para chegar por aqui somente no ano que vem, a marca já está fazendo a divulgação do carro através das suas plataformas digitais.

Classe X deve ser vendido em versão básica no Brasil

Uma das novidades que foram confirmadas essa semana é a de que a montadora deverá trazer a versão mais básica do carro para o Brasil. Antes, quando o carro foi anunciado, a montadora acreditava que teria espaço apenas para as versões com acabamento “premium”.

Mas, parece que alguma coisa mudou na estratégia da empresa de alguns meses para cá. A versão chamada de Pure conta com para-choque frontal em plástico preto, rodas de aço sem calota e bancos de tecido. Um acabamento bem mais simples do que o encontrado nas outras versões do carro.

Além da Pure, a montadora deverá lançar outras duas opções de acabamento para os brasileiros: Progressive, que apresenta mais conforto para quem busca um veículo para trabalho e também para lazer, e Power, que será a topo de linha mais luxuosa.

Dentre as opções de motores que estão sendo oferecidas, além do 2.3 diesel de 163 cv, devem estar disponíveis também os propulsores 2.3 a diesel com dupla sobrealimentação (X 250), que rende 190 cv, e o V6 de 258 cv (X 350).

Classe X deve ser vendido em versão básica no Brasil

De acordo com as informações que foram confirmadas pela empresa, o modelo deve ser construído em parceria com a Renault-Nissan em Córdoba, na Argentina, tendo como base a dupla Frontier (já à venda no Brasil) e Alaskan (que chega neste ano).

Com o lançamento do Classe X no mercado brasileiro, a Mercedes-Benz espera conseguir entrar em um novo nicho de clientes, concorrendo com modelos que são mais consagrados, tais como Chevrolet S10, Ford Ranger, Toyota Hilux e Mitsubishi L200.