Comerciais têm tombo extrapesado

 Emplacamentos de caminhões e ônibus encolhem 42,6% até outubro
REDAÇÃO AB
O segmento de veículos comerciais pesados registrou mais um tombo nas vendas deste ano: de janeiro a outubro os emplacamentos diminuíram 42,6% contra iguais meses de 2014, passando de 137,8 mil para 79,1 mil unidades, entre caminhões e ônibus, de acordo com dados divulgados na terça-feira, 3, pela Fenabrave, federação que reúne as associações de concessionárias no País. O volume representou 2,4% das vendas totais de veículos no período, enquanto que em 2014 esta fatia era de 3,31%.A maior queda vem dos caminhões que com 61,4 mil unidades licenciadas nos dez meses completos do ano ficaram quase 45% abaixo do volume registrado em idêntico intervalo do ano passado. O segmento representou apenas 1,9% das vendas totais de veículos verificadas do acumulado do ano. Entre janeiro e outubro do ano passado as vendas de caminhões haviam chegado a 111,1 mil unidades, 2,7% de participação das vendas totais daquela época.A retração nas vendas de chassis de ônibus também foi expressiva, chegando a 33,7% em dez meses, com pouco mais de 26,6 mil unidades. O volume representa 0,53% das vendas totais do setor de veículos no período: há um ano, esta fatia era de 0,64%.Isolando o resultado de outubro, as vendas totais de veículos pesados somaram 6,8 mil unidades, 8,1% abaixo do volume de setembro e 55,5% menor que o de outubro de 2014. Deste total, são 5,7 mil caminhões, cuja queda sobre setembro é de 2,7%, mas que chega a 52,5% no comparativo anual. No mês passado, o mercado absorveu pouco mais de 1 mil chassis de ônibus, volume 29,1% e 66,6% menores que os registrados em setembro de 2015 e outubro do ano passado respectivamente.
Fonte: Automotive Business