Consórcio de veículos leves tem alta de 14,5%

 Novas cotas também cresceram em pesados, mas caíram para motos
REDAÇÃO AB
A venda de novas cotas de consórcio para veículos leves entre janeiro e setembro teve alta expressiva de 14,5% sobre o mesmo período do ano passado. Nos veículos pesados o crescimento foi de 8,7%. Já o setor de motocicletas registrou queda de 8,6% na venda de novas cotas ante os mesmos nove meses de 2014. Os números foram divulgados pela Associação Brasileira das Administradoras de Consórcio Abac.Os leves automóveis, camionetas e utilitários também tiveram importante crescimento de 15,4% nas contemplações, 389,5 mil no período. Para os pesados, as 23,8 mil contemplações resultaram em queda de 7,4%. As motocicletas registraram pequeno acréscimo de 1,6% nas contemplações, que somaram 585 mil no período até setembro. Dos três segmentos, o de veículos leves é o que tem o maior número de participantes, 3,12 milhões alta de 8,3% sobre igual período de 2014. Em seguida vêm as motocicletas, com 2,89 milhões de participantes queda de 4%. Os veículos pesados registravam até setembro 272 mil participantes acréscimo de 4,6%.A Abac comemora alta de 24% no número de participantes ativos 78 mil nos consórcios de máquinas e implementos agrícolas e rodoviários. De acordo com a associação, os créditos variam de R$ 64,4 mil a R$ 266,5 mil. Dos contemplados, 42,7% adquiriram implementos agrícolas e rodoviários. Os tratores de rodas, de esteiras e retroescavadeiras responderam por 26,1%. A fatia das colheitadeiras foi de 16,4% e a dos cultivadores, motorizados, 14,8%.
Fonte: Automotive Business