Demanda reprimida garantirá mercado para veículo comercial

Os fornecedores de componentes para a indústria de caminhões projetam um impacto menor para o mercado de veículos comerciais em 2009. “O Brasil vai sofrer com a crise mundial, mas não na mesma proporção que os Estados Unidos e a Europa. O mercado brasileiro ainda tem muita demanda para ser atendida”, disse Roberto Alves, gerente de marketing da MWM International, fabricante de motores. Alves afirma que os pedidos dos seus clientes ainda mostram um crescimento dos negócios em 2009, mas num ritmo menor. “A agricultura vinha registrando forte crescimento neste ano e, se a safra do próximo ano for idêntica à de 2008, vai continuar exigindo demanda de transporte para a área agrícola e industrial”. A previsão da MWM International era que o segmento de tratores, que teve uma expansão de 38% até outubro, teria um crescimento de 15% no próximo ano. “Reduzimos a nossa previsão para 5% e 8%”, mas mesmo assim será um bom crescimento”, comentou o gerente de marketing. (Gazeta Mercantil)

Fonte: Boletim Autodata