Empresário italiano compra a De Tomaso

De Tomaso Pantera
Carsale – A fabricante italiana De Tomaso, fundada em 1959 pelo argentino Alejandro de Tomaso, e conhecida, principalmente, pelos modelos históricos como o Mangusta e Pantera, foi comprada pelo empresário Gian Mario Rossignolo, cuja carreira sempre esteve ligada à indústria automobilística. O novo proprietário da De Tomaso acumula passagens pela Fiat e pela fabricante de equipamentos industriais sueca SKF, além de constar a compra de uma fábrica da Pininfarina e a tentativa de salvar o estúdio de design Bertone da falência.

A partir de agora, os planos de Rossingolo caminham no sentido de transformar a marca em referência de modelos de luxo, criando veículos com tecnologia avançada, carrocerias em alumínio e também dando foco às versões elétricas. Acredita-se que a primeira novidade a ser lançada pela De Tomaso, já sob o comando do novo proprietário, seja um modelo familiar. Após isso, a ideia é apresentar um veículo cupê e um utilitário esportivo. As primeiras novidades da marca devem ser reveladas o Salão do Automóvel de Genebra, em 2011.

Sobre a De Tomaso
Nascido em Buenos Aires, na Argentina, em 1928, Alejandro De Tomaso sempre esteve envolvido com o automobilismo, tanto que em 1959 criou a sua própria empresa. Segundo relatos do próprio De Tomaso, a origem do logo da empresa que leva seu nome deve-se à união do desenho do instrumento de ferro utilizado para marcar cavalos com as cores da bandeira argentina.

Entre os modelos esportivos que marcaram época, a De Tomaso é conhecida pelos cupês Mangusta e Pantera, além dos modelos Vallelunga, Deauville e Longchamp. A montadora italiana decretou falência em 2003, ano em que completou 44 anos de existência pouco depois da morte de seu fundador.

Fonte: Carsale