Feirões oferecem carro com entrada de R$ 1

                                             Indústria e revendas aceleram para bater recorde de vendas.

Cleide Silva, de O Estado de S.Paulo

Montadoras e concessionárias anteciparam para este fim de semana grandes feirões para desova de estoques, cientes de que dezembro é um mês com menos dias úteis por causa das festas de Natal e Ano Novo.

Como apelo de vendas, oferecem carros novos com entrada de R$ 1 e saldo em 60 meses, pagamento da primeira parcela depois do carnaval, juro zero para financiamento e sorteio de carro de luxo.

A indústria automobilística pretende comercializar neste mês e no próximo no mínimo 600 mil veículos para encerrar o ano com volume recorde de vendas de 3,4 milhões de unidades. Ontem, o total acumulado no ano já passava dos 3 milhões de automóveis, comerciais leves, caminhões e ônibus.

Só neste mês foram licenciados, até quinta-feira, 186.598 automóveis novos, uma média de 15.549 unidades por dia útil, a maior da história. Em relação ao mesmo período de novembro de 2009, os negócios aumentaram quase 30%. Na comparação com igual intervalo de outubro, a alta é de 14,3%, segundo dados das empresas.

Para o diretor-geral de comunicação, relações públicas e governamentais da General Motors, Marcos Munhoz, a marca de 3 milhões de carros vendidos no mercado brasileiro “é simbólica” e foi atingida um mês e meio antes em relação ao ano passado. Em sua opinião, juros baixos e prazo longo ajudam muito na decisão de compra de um bem de alto valor, como o automóvel.

“Mas, se o consumidor não tiver confiança de que vai poder pagar, vai estar empregado e que sua renda não será diluída pela inflação, oferecer juros menores e prazos longos não adianta”, afirma Munhoz.

O diretor da GM ressalta que, nos EUA, o juro é praticamente zero, os prazos para pagamento chegam a cinco anos e, ainda assim, “o mercado não reage porque não há confiança.” Entrada simbólica

A Volkswagen realiza hoje e amanhã feirões nos estacionamentos do Shopping Aricanduva, na zona leste de São Paulo, do Extra Anchieta, em São Bernardo do Campo, e do Shopping Osasco, além de estender ofertas para a rede de concessionárias em todo o País. A marca promove campanha em que o consumidor pode dar R$ 1 de entrada.

O Gol G5, por exemplo, pode ser adquirido com entrada simbólica de R$ 1 e 60 parcelas fixas de R$ 749. Outra opção é pagar a primeira parcela de R$ 5.698 após o carnaval e 60 prestações de R$ 631. A terceira alternativa é comprar o modelo à vista por R$ 28.490 e escolher como brinde vidros e travas elétricas ou ar condicionado.

Com o último feirão do ano agendado no Sambódromo, na zona norte da capital, a Fiat oferece, entre outras ofertas, Palio Fire 1.0 de R$ 26.070 por R$ 23.990. Toda a linha é vendida sem entrada, com primeira parcela em março e saldo em 60 meses. Como brinde na compra, o cliente pode escolher o pagamento do IPVA do ano, alarme, película protetora ou tapetes e protetor de cárter.

A GM optou por promoção em toda a rede de distribuidores. Quem comprar qualquer carro zero da marca terá direito a um cupom para concorrer em sorteio de um Camaro, modelo importado do Canadá que será lançado na próxima semana ao preço de R$ 185 mil. Já há encomendas de 400 unidades e fila de espera pelo sedã, diz Munhoz.

A Nissan realiza hoje e amanhã feirão no estacionamento do Shopping Center Norte, também na zona norte de São Paulo com atrativos como primeira parcela depois do carnaval e juro zero. O comprador também leva gratuitamente um kit com IPVA, emplacamento, tanque cheio e película de proteção solar.

Local inédito

Um grupo de concessionárias da General Motors, Honda, Toyota e Volkswagen escolheu o estacionamento do supermercado Wall Mart, também na zona norte, para um feirão inédito no local. “Tivemos de batalhar muito para conseguir este espaço”, diz Mário Santos, diretor do grupo MSantos, agência especializada em varejo de automóveis.

“Como dezembro é um mês curto por causa das festas, muitas marcas antecipam os grandes eventos e chega a falta
Fonte: Automotive Business