Ford fechará terceiro turno em fábrica de Camaçari

 Medida ocorre em março de 2016; montadora negocia saídas com sindicatoREDAÇÃO ABA Ford anuncia que fechará o terceiro turno da fábrica de Camaçari BA. Em comunicado distribuído à imprensa, a montadora informa que o turno da noite será extinto a partir de março de 2016. A Ford informa que o excedente chega a 2 mil trabalhadores, entre os funcionários da própria empresa e dos sistemistas e fornecedores da região. A unidade, responsável pela produção do Ecosport, Ka versões hatch e sedã e pelos motores 1.0 de três cilindros, conta atualmente com mais de 4,7 mil metalúrgicos, totalizando 9 mil em todo o complexo, que tem capacidade para fabricar 250 mil veículos por ano. Na nota, a empresa diz que “utilizará todas as ferramentas possíveis para tratar do excedente da força de trabalho e que neste momento está em negociação com o sindicato dos metalúrgicos de Camaçari”. A Ford também informou que a medida se deve à “significativa desaceleração do mercado automotivo e da recorrente queda no volume de produção na fábrica”.No mês passado, a montadora havia comunicado ao sindicato a necessidade de demitir 500 trabalhadores da unidade de Camaçari, além de outros 892 empregados de fornecedores de autopeças. Na ocasião, o sindicato organizou uma paralisação de 24 horas em protesto contra as iminentes demissões.
Fonte: Automotive Business