GM fecha 2008 em queda e Toyota assume liderança

Marca perde 10% de vendas do ano e Toyota torna-se líder mundial

Alberto Cataldi

A General Motors anunciou hoje (21) seus números referentes às vendas de 2008. As cifras mostraram uma queda de 10,8% em relação a 2007. No período, a montadora vendeu 8.36 milhões de veículos, encerrando em definitivo sua disputa pelo primeiro lugar em vendas no mundo. Sua principal rival, a japonesa Toyota, comercializou 8.97 milhões de unidades no ano passado, tornando-se a líder.

Na noite anterior, o presidente do grupo, Fritz Henderson, declarou que manter o título de maior montadora do segmento automotivo pelo 78º ano consecutivo não era “terrívelmente importante”. Para o executivo, é mais relevante que a GM esteja mantendo-se forte financeiramente, apesar de não ter fechado um ano em lucro desde 2004 e ter pedido um empréstimo de US$ 4 bilhões para o governo dos EUA.

As maiores quedas da GM deram-se na América do Norte, onde as vendas tiveram baixa de 21,2%, e na Europa, com perdas de 6,5%. Na Ásia, a montadora registrou crescimento de 2,7% enquanto na América Latina, seuas vendas subiram 3,2%.

Apesar de ter ultrapassado a GM em 2008, a Toyota também teve queda de 4% em seu desempenho. Apenas nos EUA, GM perdeu 22,7% de mercado, e Toyota, 15,4%.

Fonte: Auto Esporte