Harley-Davidson divulga vencedor do concurso “Battle of the Kings 2018”

    Harley-Davidson Rusty Rio (Forty Eight) (Foto: Alexandre Izo)

     

    A maior competição de customização de motocicletas Harley-Davidson do mundo chegou à sua fase final ontem (23), em um evento realizado pela marca, na zona central da cidade de São Paulo. O concurso contou com a participação de 14 concessionárias da famigerada fabricante, que competiram entre si com seus projetos ao título de “Custom Kings Brasil 2018”. E ao todo, foram nada menos do que 250 concessionárias Harley-Davidson participantes no mundo.

     

    Durante a versão brasileira de “Battle of the Kings 2018” um corpo de jurados especializados elegeu como projeto campeão um modelo Sportster Forty-Eight customizado, idealizado pela equipe “Rio H-D”, que foi batizado como Rusty Rio, pela aparência enferrujada e pelo fato de não poder contar com nada que fosse cromado em sua aparência. A moto vai representar o Brasil na fase mundial do concurso, que acontecerá no Eicma 2018 (Salão de Milão), onde será escolhida a motocicleta campeã mundial do Battle of the Kings 2018.

    Harley-Davidson finalistas "The Battle of the Kings 2018" (Foto: Alexandre Izo)

     

    Além do visual alusivo ao tema oxidado, a duas rodas feita em homenagem aos 115 da marca une conceitos vintage e moderno. Por ser montada sobre uma Forty Eight, a campeã do concurso traz um motor V-Twin de 1.202 cilindradas refrigerado a ar com injeção eletrônica, suspensão dianteira com garfo de 49 mm, suspensão traseira com ajuste de pré carga, tanque no estilo “Peanut”, além dos enormes e característicos pneus.

    Como diferencial, tem sua pintura traz tecnologia eletroluminocente e o tanque, bem diferente, contou com aplicação de folhas de ouro no acabamento. Mas o título não veio de maneira fácil, a vencedora contou com a concorrência de outras duas Harley-Davidson Roadster que ficaram em segundo e terceiro lugar. Ambas com belos projetos equipados com kits e acessórios que remetem a modelos “Café Racer” e “Off Road”, além de também abrigarem motores V-Twin de 1202 cilindradas. Confira as imagens das motos:

    Harley-Davidson Sportster T1 (Roadster) (Foto: Alexandre Izo)

     

    Pelas regras, cada customizador personalizou uma das três motocicletas Harley-Davidson finalistas à sua maneira, tendo como exigências que fosse utilizados um dos dois modelos da família Sportster: a Forty-Eight, ou a Roadster, ambas com motores de 1.200 cc e de ano e modelo 2017/2018, comercializadas no Brasil.

    Harley-Davidson Goldster 1200 (Roadster) (Foto: Alexandre Izo)

     

    Outra premissa era a de que pelo menos 50% da verba investida na customização da moto fosse voltada para peças e acessórios genuínos da marca. O orçamento total do projeto não poderia ser superior a 50% do valor da moto e o veículo deveria atender aos requisitos obrigatórios para poder rodar nas ruas, respeitando as leis do Código de Trânsito Brasileiro.

    The Battle of the Kings 2018 (Foto: Alexandre Izo)