Indianos cancelam pedidos pelo Tata Nano


Carsale – O tempo de espera para ter um Tata Nano vem desmotivando muitos consumidores indianos que se cadastraram no programa de reservas pelo carro. De acordo com a imprensa indiana, cerca de 15% do total de encomendas pelo modelo popular, ou aproximadamente 30 mil pedidos, foram cancelados pelos clientes. O ultra-compacto Nano foi apresentado oficialmente em janeiro do ano passado, em Nova Delhi, na Índia, como o “carro mais barato do mundo”, pois seu preço ao consumidor havia sido fixado em 100 mil rúpias, valor equivalente a US$ 2.500, à época. As primeiras unidades do Nano começaram a ser entregues em julho deste ano na Índia.

De acordo com a Tata Motors, a longa espera pelo veículo, que pode ultrapassar 12 meses, se deve à capacidade limitada de produção da fábrica de Pantnagar, no norte do país. Atualmente a produção mensal do Nano é de cerca de quatro mil unidades e a expectativa é de que 100 mil exemplares do modelo sejam produzidos até o fim do ano que vem, quando entra em operação a nova linha de montagem do veículo, situada em Sanand, na região oeste da Índia.

O Nano é um modelo com características de monovolume. Ele mede 3,1 metros de comprimento, 1,5 m de largura, 1,6 m de altura, tem quatro portas e espaço interno com capacidade para acomodar cinco ocupantes. O motor tem 623 cm³, dois cilindros e é capaz de entregar 33 cv. Ele está associado a um câmbio manual de quatro marchas que ajuda o carro a alcançar a velocidade máxima de 100 km/h. De acordo com o fabricante, o Nano é capaz de rodar 20 quilômetros com 1 litro de gasolina.

Fonte: Carsale