Indústria tem pior resultado em 19 anos, diz IBGE

Se no mês de janeiro a produção da indústria brasileira cresceu 2,3% em relação a dezembro de 2008, na comparação com janeiro de 2008 a produção despencou 17,2%, informa matéria publicada na edição deste sábado da Folha (íntegra disponível para assinantes do UOL e do jornal).

De acordo com o IBGE, o resultado é o pior nessa base de comparação desde 1990, quando o país viveu os efeitos do Plano Collor.

A maior retração, de 30,9%, foi registrada pelo setor de bens de consumo duráveis –automóveis e eletrodomésticos–, seguido pelo dos bens intermediários, que compreende os insumos industriais, com queda de 20,4%.

Os bens de capital –máquinas e equipamentos–, que são como um termômetro da capacidade produtiva do país, encolheu 13,4%.

O setor que apresentou menor queda foi o de bens de consumo semi e não-duráveis, que abrange as indústrias de vestuário e alimento, com retração de 8,3%.

Fonte: Folha Online