Inflação do Carro tem alta de 0,3% em junho; acumulado chega a 0,84%

                                             Combustiveis tiveram queda no acumulado do ano mas seguro lidera alta

A Inflação do Carro voltou a registrar crescimento. Calculada pela agência AutoInforme, ela chegou a 0,3% de expansão durante junho, elevando a alta do ano para 0,84%. A expansão durante o sexto mês do ano se deve ao crescimento nos custos com serviços.

Segundo o índice, a gasolina ficou 0,33% mais cara em junho, com o etanol caindo 1,63%. Responsáveis por 33% dos gastos do proprietário com o automóvel, os combustíveis não vêm aumentando tanto os custos do veículo. Isso tem ficado para a cesta de serviços, que só no sexto mês de 2012 avançou 1,11%. O reajuste mais significativo do período foi do alinhamento de direção, 3,66% mais caro, seguido por revisão e mão-de-obra, com 3,45%, e cambagem (3,38%). Por outro lado, caírem pneus (-0,67%), óleo do motor (-0,54%) e filtro de combustível (0,46%).

Em 2012, a inflação de 0,84% não é considerada alta. No entanto, são significativos os avanços de seguro (3,76%), serviços (3,06%) e peças de reposição (2,62%). Os combustíveis têm redução de 3,77% no mesmo período.

Itens em queda
Itens

Variação %

Acumulado %

Participação

Álcool

-1,63

-5,06

20,59%

Pneus

-0,67

1,14

2,48

Óleo Motor

-0,54

0,36

1,63

Filtro de Combustível

-0,46

2,61

0,36

Lona de Freio

-0,35

1,78

1,20

Itens em Alta

Itens

Variação %

Acumulado %

Participação

Alinhamento

3,66

7,30

0,66

Mão de Obra / Revisões

3,45

6,60

1,76

Cambagem

3,38

2,45

0,89

Balanceamento

3,33

6,29

0,62

Pastilhas de Freio

1,80

4,15

0,94

Fonte: Autoinforme
Texto: Matheus Q. Pera

Fonte: Auto Diário