Medida simples facilita trabalho de socorro a acidentados

                                             adesivo no parabrisa indica a disponibilidade da ficha

O Automóvel Clube da França está promovendo uma medida simples que pode tornar mais rápido o socorro às vítimas de acidentes de automóveis. Trata-se de uma ficha com dados importantes sobre o veículo, que deve ser levada sempre no para-sol do motorista e cuja existência no interior do automóvel é anunciada por um adesivo no parabrisa.
Entre os dados disponíveis nas fichas estão diagramas mostrando a localização de reforços nas portas e carroceria, onde estão alojados os airbags, os pontos de fixação dos cintos de segurança, posicionamento do tanque de combustível e da bateria, entre outros. A campanha conta com o apoio das fábricas de automóveis, que fornecem os dados de cada modelo.

Pontos sensíveis – Uma das preocupações dos bombeiros, ao atender acidentes em que precisam remover as vítimas de dentro dos carros, é localizar a bateria, para poder desativar equipamentos que possam permanecer ligados e também evitar incêndios. Em veículos híbridos ou elétricos, esta preocupação é ainda maior, pois eles funcionam com baterias de alta voltagem – até mais de 400 V -, que podem provocar choques fatais tanto nos socorristas como nos acidentados.

Outros pontos sensíveis são os detonadores dos sistemas de tensionamento dos cintos de segurança, além dos airbags, que nem sempre são acionados em caso de choques laterais ou capotagens.

Riscos do gás – Uma informação útil é se o carro usa gás como combustível e a posição do tanque no veículo. Uma ruptura acidental da tubulação de gás, ao tentar cortar a carroceria, ou o contato com a chama de um maçarico pode provocar incêndios e até explosões.

Estudos do Automóvel Clube da França apontam que, com as informações fornecidas pela ficha de segurança, há um ganho de até 30 por cento na velocidade do atendimento aos acidentados, tempo economizado pelos socorristas por não precisarem pesquisar pontos sensíveis antes e durante suas ações.

A entidade disponibiliza as fichas em seu site, para que os motoristas as imprimam em casa, e vende os adesivos por 1,95 euros, também pela internet.

JM

Fonte: Auto Estrada