Mercedes Classe C reestilizado ganha um belo upgrade de tecnologia

Novo Mercedes Classe C (Foto: Divulgação)

A estreia oficial é só no começo de março, durante o Salão de Genebra, mas o visual e as principais informações do novo Mercedes Classe C, nas versões sedã e perua, não são mais segredo. O carro mais vendido da fabricante alemã no mundo passou por uma reestilização, que consiste em pequenas mudanças no visual e um belo upgrade no pacote de tecnologia. Algumas dessas novidades vêm do Classe S, o sedã mais luxuoso da marca. É o caso do painel de instrumentos digital de 12,3 polegadas, que faz dobradinha com a central multimídia.

No volante, há botões sensíveis ao toque para acessar várias funções do veículo. Mas é realmente uma pena que os recursos de conectividade mais modernos da marca estejam presentes apenas no novo Classe A.

Novo Mercedes Classe C Estate (Foto: Divulgação)

 

Novo Mercedes Classe C Estate (Foto: Divulgação)

 

 

Pela primeira vez, o modelo passa a contar com os faróis de led Multibeam. O sistema é formado por 84 luzes de led num facho de luz que são eletronicamente controladas para iluminar mais ou menos, dependendo das condições de rodagem.

O Classe C também herdou alguns sistemas de segurança presentes no Classe S. O modelo agora pode rodar com algumas funções semi-autônomas, que podem ajudar o motorista a permanecer na faixa de rolagem, identificar uma situação de colisão e até brecar automaticamente. Para ganhar todos esses recursos, a marca precisou reforçar a arquitetura eletrônica do carro.

Quanto ao conjunto mecânico, esse também deve receber novidades. A Mercedes ainda não anunciou todas as mudanças, mas é certo que em alguns mercados os modelos deverão sistema de propulsão híbrido plug-in, que devrão chegar em 2019.

Novo Mercedes Classe C (Foto: Divulgação)

 

Novo Mercedes Classe C (Foto: Divulgação)