Novo hatch Rio tem estreia mundial no Salão de Genebra

Kia hatch Rio (Foto: AFP)                                                                 Carro é esperado para o mercado brasileiro.Kia apresenta ainda o novo Picanto e o Optima Hybrid.

Do G1, em São Paulo e em Genebra

A Kia apresenta três modelos no Salão de Genebra, que abriu as portas para o público nesta quinta-feira (3) e segue até o próximo dia 13. A montadora aproveita o evento para fazer o lançamento mundial do novo Kia Rio, visto na versão hatch, e mostra pela primeira vez na Europa o novo Picanto e o Optima Hybrid.

A quarta geração do Kia Rio é mais longa, mais larga e mais baixa, com interior mais espaçoso. A versão cinco portas mostrada em Genebra tem comprimento de 4,04 m. O sedã medirá 4,36 m, com aumento de 33% na capacidade do porta-malas, para 390 litros, informa a fabricante.

Todos os modelos apresentam uma distância entre-eixos estendida em 70 mm (para 2.570 milímetros). Além das versões sedã, de quatro portas, e hatch, de cinco, a partir de 2012 o modelo será oferecido em alguns países como hatch de três portas. A estreia do Rio no Brasil é esperada para este ano.

A montadora sul-coreana diz que o carro tem baixo custo operacional e baixa emissão de CO2 – com números estimados para o modelo partindo de apenas 85 g/km.

Picanto e Optima híbrido
O novo Picanto, mostrado pela primeira vez fora da Coreia do Sul, também teve a distância entre-eixos estendida e será oferecido pela primeira vez com a opção de carrocerias de cinco ou três portas. A emissão também foi reduzido para 90 g/km, informa a Kia.

O Optima Hybrid faz sua estreia europeia em Genebra após ser apresentado nos Estados Unidos e deve começar a ser produzido em série ainda neste semestre. A combinação de um motor elétrico de 30 kW com outro a gasolina 2.4 litros gera de 209 cv e 265 Nm de torque. A Kia diz que o modelo pode funcionar em modo totalmente elétrico a partir do repouso até 100 km/h. A partir daí, os motores atuam em conjunto. A montadora afirma que conseguiu na versão híbrida uma melhoria no consumo de combustível de 40,7% em comparação com um Optima regular de 2.4 litros.

Fonte: G1 Globo Online