Obama oferece US$ 4 bilhões para acelerar autônomos nos EUA

 Eugênio Augusto BritoAndré Deliberato Do UOL, em São Paulo SP e Detroit EUA Anthony Foxx, secretário de Transportes dos EUA e homem de confiança de Obama, anuncia plano que prevê para acelerar desenvolvimento de tecnologias e poupar vidas O anúncio da Mercedes-Benz, no último domingo, de que já estaria apta a testar um modelo autônomo o novo Classe E dentro de um Estado norte-americano, acelerando em muito a corrida para se vender carros que andam sozinhos, parece ter mexido com o moral dos Estados Unidos, incluindo aí seus governantes.O presidente Barack Obama colocará US$ 4 bilhões equivalente a R$ 16 bilhões dos cofres públicos para acelerar o desenvolvimento de pesquisas no país. O objetivo é acabar, também, com entraves burocráticos inclusive em termos de segurança para testes dos modelos no país. Este anúncio de que a Casa Branca quer uma “via rápida” para o desenvolvimento de carros autônomos no país foi feito nesta quinta-feira 14 pelo secretário do Ministério dos Transportes dos EUA, Anthony Foxx, um dos homens de confiança de Obama, em Detroit. Segundo Foxx, o investimento estará na proposta de orçamento de Obama para 2017 e é parte “de um esforço para remover obstáculos colocados sobre regras de segurança para automóveis no país, muitas deles escritos há mais de 50 anos”. 
Fonte: UOL Carros