Peugeot e Citroën podem ganhar marca “irmã” para carro popular


Grupo não quer usar marcas tradicionais para carro muito barato

A PSA, grupo francês que reúne a Peugeot e a Citroën, poderá criar uma terceira marca, especificamente para entrar no mercado de carros de baixo custo. A possibilidade foi levantada hoje na imprensa francesa, após declarações dadas pelo diretor de marcas da empresa, Jean-Marc Gales.
De acordo com o executivo, se for tomada a decisão de investir nesse segmento, o grupo criará nova marca, para estabelecer um novo modo de distribuição e vendas, independente das redes de concessionários existentes. Gales fez a declaração durante a apresentação dos resultados semestrais de vendas da PSA.

A informação coincide com uma declaração dada em maio pelo presidente da PSA, Philippe Varin.

Indagado por jornalistas, Gales não descartou uma possível associação com fabricantes chineses para o lançamento do PSA “popular”. Ele afirmou que, no caso de ser um produto realmente voltado para o mercado de baixo custo, o carro não será vendido na Europa Ocidental com as marcas Citroën nem Peugeot. Ele explicou que um veículo básico iria contra a política de melhoramento da imagem de ambas as marcas, ligada à alta tecnologia e segurança.

Sem dar maiores explicações, Gales ventilou que a distribuição do novo automóvel seria feita de modo “completamente diferente e muito criativo”.

JM

Fonte: Auto Estrada