Produção de veículos avançou 8,4%

                                             Média diária de vendas caiu 4,9% em maio.

Giovanna Riato, AB

A Anfavea, associação dos fabricantes de veículos, divulgou nesta segunda-feira, 6, que a produção nacional avançou 8,4% em maio na comparação com o mês anterior, chegando a 303.549 unidades entre automóveis, comerciais leves, caminhões e ônibus. A expansão atingiu 2,1% no reajuste anual. Considerando os cinco primeiros meses de 2011 foi montado 1,4 milhão de veículos, com evolução de 3,7% sobre o mesmo período de 2010.

Em vendas, maio foi o melhor mês do ano, com 318.534 unidades e alta de 10,1% sobre abril. Em relação ao mesmo período do ano passado, o crescimento foi de 26,9%. Entre janeiro e maio a elevação chegou a 8,8%, com 1,43 milhão de emplacamentos. No entanto, a média diária de vendas caiu de 15.220 veículos em abril para 14.479 em maio, recuo de 4,9%. “Essa situação começa a nos preocupar”, alerta o presidente da Anfavea, Cledorvino Belini.

Para o executivo, o dado mais importante é que, observando a média diária de vendas, os emplacamentos de veículos nacionais tiveram redução de 6,5%, para 11.081 veículos por dia. A venda de modelos importados, contudo, apresentou uma leve aceleração de 0,8%, resultando em 3.398 unidades por dia.

A Anfavea destacou que apenas no mês anterior foi possível medir o impacto das medidas macroprudenciais tomadas pelo governo a partir de dezembro do ano passado. Até outubro de 2010, a expansão do crédito ficava entre R$ 3 bilhões e R$ 4 bilhões por mês. Atualmente, o avanço fica em torno de R$ 1 bilhão por mês. A inadimplência continua baixa, em 3,3%, mas começa a preocupar. “Este indicador tem crescido”, aponta Belini.

Fonte: Automotive Business