Queda de vendas nos EUA pode ser maior que a produção brasileira

A crise financeira abateu-se de vez sobre a indústria automobilística americana. A Ford, primeira das fabricantes americanas a divulgar seus números de setembro, registrou queda de 33,7% nas vendas do mês, em relação ao mesmo período de 2007.
Este é o décimo mês consecutivo em que a Ford registra diminuição nas vendas nos EUA. Outras empresa também divulgaram quedas, como a coreana Hyundai, com menos 25%, e as alemãs VW, com menos 9,4% e Mercedes-Benz, que perdeu 9%,

Os números iniciais de setembro parecem confirmar as previsões de uma queda de 20% nas vendas este ano em relação ao ano passado. Analistas prevêem uma redução no número de veículos vendidos nos EUA de 16,5 milhões em 2007 para cerca de 13,5 milhões em 2008. A diferença, aproximadamente 3 milhões de unidades, é maior do que o total de carros produzidos anualmente no Brasil.

JM

Fonte: Auto Estrada