Redução do IPI pode acabar a partir de junho

O presidente da Anfavea (associação dos fabricantes de veículos) Jackson Schneider declarou ao jornal Folha de S. Paulo que a entidade tem informações de que o governo não deverá prorrogar a redução do IPI para os veículos a partir de 30 de junho, quando vence o segundo prazo do benefício.

Enquanto isso, em Brasília, já se discute como fazer para acabar com o estímulo dado à indústria automotiva. Uma das hipóteses em estudo seria a retirada gradual do incentivo, para que não haja tanto impacto negativo nas vendas.

Fonte: Auto Estrada