Rodízio de caminhão eleva vendas de vans e picapes

Segundo a Agência AutoInforme, muitos donos de caminhões passaram a procurar as vans de carga nos últimos meses em São Paulo, porque se viram impedidos de exercer seu trabalho devido à restrição causada pelo rodízio. O resultado foi um expressivo aumento das vendas. Nos oito primeiros meses do ano passado o segmento vendeu 27.337 unidades. Neste ano chegou a 45.469, um aumento de 66,2%, bem acima da média do mercado que é de 26%. Mas o crescimento maior aconteceu de três meses para cá, justamente no período em que foi implantado o rodízio paulistano. Em maio foram vendidas 5.485 unidades, em junho 6.079, em julho 7.035 e no mês passado 6.360. O segmento de picapes pequenas (derivadas de automóveis) também foi insuflado por causa da proibição da circulação de caminhões no centro. As picapes tiveram um crescimento de 33,9% este ano, em relação ao período janeiro-agosto de 2007. A van Hyundai HR já vendeu 9.150 unidades este ano, um espetacular crescimento de 365,4%. As vendas da Iveco Dailycresceram de 557 para 1.257 unidades, (125,7%) e a Fiat Ducatto subiu de 3.012 para 5.185 unidades este ano (72,1%) (8 de setembro).

Fonte: Autmotive Business