Saab ganha sinal verde para re-estruturação

SAAB 9-3X
Corte na Suécia aprovou plano da fabricante, que irá se separar da GM

César Tizo

A Saab, subsidiária da GM na Suécia, obteve autorização judicial para continuar com seu plano de re-estruturação e busca por novos investidores. Uma corte localizada na cidade de Vanersborg aprovou o esquema de pagamentos pendentes para fornecedores e, como nenhum deles entrou com uma representação contra a empresa, ela não precisará entrar com pedidos de falência ou concordata.

Isso abre caminho para que a Saab busque novos investidores, já que a fabricante sueca se desligará da GM em 1º de janeiro de 2010. Segundo fontes ouvidas pelo boletim Automotive News, dentre as empresas que manifestaram interesse pela Saab encontram-se a chinesa Dongfeng e alguns grupos industriais suecos. Segundo o administrador delegado pelo governo para fiscalizar a re-estruturação da Saab, cerca de 20 potenciais compradores estudam adquirir a montadora e concluir o negócio até junho deste ano.
Fonte: Terra Carro Online