Sabó inicia produção na fábrica chinesa

A fabricante de autopeças brasileira Sabó iniciou a produção em sua primeira unidade na China. Com investimentos de € 7 milhões e capacidade para fabricar 200 mil peças por mês, a empresa vai atender a seis projetos da Volkswagen no país asiático. A princípio, não há previsão de que as peças sejam exportadas para o Brasil. Até o início de produção, há duas semanas, foram quatro anos entre estudos e cumprimentos de burocracias exigidas pelas autoridades chinesas. A informação é de Guilherme Manechini, do jornal Valor (14 de outubro).

Fonte: Automotive Business