São Paulo apertará na inspeção veicular


Como resultado da resolução do Conama – Conselho Nacional do Meio Ambiente, divulgada na terça-feira, a inspeção veicular alcançará veículos de passeio partir do segundo ano de licenciamento. A medida deve desagradar proprietários e alguns especialistas, já que o segundo licenciamento pode acontecer antes do veículo completar um ano.

Haverá um aperto na fiscalização. Enquanto a reprovação nos testes até agora ficou menor que 1%, deverá alcançar 5% a 6% a partir do próximo ano.

Carros fabricados até 1979 podem emitir até 6% de monóxido de carbono, enquanto os seminovos não devem superar 0,3%.

O secretário municipal do Verde e Meio Ambiente, Eduardo Jorge, disse ao Estadão que a prefeitura paulistana vai insistir com o Ministério das Cidades para realizar a inspeção de segurança junto com a ambiental. Segundo ele, a Controlar, que promove a inspeção ambiental, teria instalações já adequadas para essa finalidade.

Fonte: Automotive Business