Volks pode cancelar folgas e voltar a produzir

DCI | | 8/1/2009 – 10h33

CURITIBA – Depois de fechar um acordo com a montadora Renault que suspende os contratos de trabalho de aproximadamente 4,5 mil trabalhadores por cinco meses, o Sindicato dos Metalúrgicos da Grande Curitiba (Simec) acompanha agora os passos a serem dados pela montadora Volkswagen.
A empresa havia anunciado folgas das suas equipes de produção às segundas e sextas-feiras como forma de evitar demissões, mas até ontem, segundo o Simec, não tinha ocorrido a convocação das folgas para os trabalhadores.

Segundo o presidente do Simec, Sergio Butka, o momento é delicado, mas se for confirmada a produção normalmente, será um bom indício. “Havia sido feito um pré-acordo para essas folgas, mas pode significar um aumento nos pedidos de veículos e dessa maneira não haveria necessidade, o que seria uma boa notícia para a categoria”, disse.

A assessoria de imprensa da montadora não confirmou mudança nos planos, mas uma versão oficial sobre isso somente será possível hoje, com o retorno das férias coletivas de final de ano.

No caso da Renault, Butka voltou a ressaltar a importância do acordo como alternativa para a manutenção dos empregos. “Não houve flexibilização de nenhum direito do trabalhador, o que é importante e isso não deve acontecer em situação alguma”, afirmou. No caso das suspensões dos contratos, existe a possibilidade de alguns postos serem retomados a partir de março.

Fonte: WebTranspo