VW levanta fundos para absorver a Porsche


Grupo angariou € 4,1 bilhões com venda de 3,2% de suas ações privadas

Thiago Vinholes

O grupo Volkswagen deu mais um importante passo em sua jornada rumo a liderança do mercado mundial de automóveis. Nesta quinta-feira, o conglomerado alemão confirmou a venda de 3,2% de suas ações, somando a quantia de € 4,1 bilhões (cerca de R$ 9,6 bilhões), que será usado no processo final de absorção da Porsche AG, divisão de automóveis da holding Porsche SE.

A oferta de ações, a maior já realizada na Alemanha, ajudará a proteger o grupo VW em seu plano de aquisições de mais empresas, mantendo capital em caixa para eventuais adversidades. O valor dos papeis vendidos variou entre € 2,19 (aproximadamente R$ 5,17) e € 69,66 (R$ 164,66).

No ano passado, a Volkswagen encerrou o ano passado com caixa de € 10,6 bilhões (R$ 25 bilhões), mesmo após ter pago € 3,9 bilhões (R$ 9,2 bilhões) na aquisição de metade das ações da Porsche. Este ano, em janeiro, a Volks ainda adquiriu a participação de 19,9% da Suzuki ao preço de € 1,7 bilhão (R$ 4 bilhões).

A meta da fabricante é atingir a primeira colocação do mercado mundial de carro até o final desta década, superando Toyota e General Motors, atuais primeiro e segundo colocados no ranking. Atualmente, o grupo alemão, somadas as vendas de todas as marcas (Audi, Bentley, Lamborghini, Skoda, Seat, Scania, Bugatti e Volkswagen) ocupa a terceira colocação.

Fonte: Terra Carro Online